Mais resultados

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Mais resultados

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Provas da Maratona Internacional de Floripa começam amanhã

Estão confirmados atletas de todos os estados brasileiros, do Distrito Federal e também de países de cinco continentes

A capital catarinense se torna a capital brasileira da corrida de rua neste fim de semana. Florianópolis será o cenário da superação dos mais de 15 mil atletas que participam da Maratona Internacional de Floripa 2023.

O maior evento esportivo do segmento em Santa Catarina, e um dos maiores do país, terá corridas de 5 km, 21,1 km e 42,2 km nesta sexta-feira (25), sábado (26) e domingo (27). Estão confirmados atletas de todos os estados brasileiros, do Distrito Federal e também de países de cinco continentes.

Praticamente 70% dos mais de 15 mil atletas inscritos são de fora de Santa Catarina. Depois dos corredores do estado, a lista é puxada por paulistas, com 20%, paranaenses, 14%, e gaúchos, 12%. Há participantes de todos os estados do país e também do exterior. Entre os estrangeiros, a maior presença é de atletas do Paraguai, dos Estados Unidos e da Argentina.

Corrida noturna

Entre as grandes novidades da edição deste ano, a corrida noturna de 5 km é a primeira prova da programação. Com grande participação de atletas mulheres, a corrida será toda na Beira-Mar Continental. A largada está confirmada para as 19h da sexta-feira, a partir do Parque Beira-Mar Continental, no bairro Balneário. Os participantes percorrem praticamente todo o trajeto à beira do mar. Cartão postal da cidade, a Ponte Hercílio Luz iluminada compõe o cenário do desafio.

O segundo dia de ação será neste sábado (26), com a disputada Meia Maratona. A corrida de 21,1 km concentra uma quantidade expressiva de inscritos. A largada será às 5h30 na Praça Portugal. O espaço em que está o Trapiche da Beira-Mar Norte sedia a arena do evento. Dela, os atletas encaram os pouco mais de 21 km que têm novidade neste ano. O percurso será realizado pela Avenida Beira-Mar Norte e também pela Via Expressa Sul. Os corredores vão passar sob a Ponte Hercílio Luz e pelo Túnel Antonieta de Barros.

A prova principal será no domingo (27). Grande parte da maior premiação da história do evento será destinada aos melhores colocados dos 42,2 km da Maratona. Às 5h30 começa a prova na categoria cadeirantes. Logo depois, às 5h40, inicia aos atletas de elite e geral, com o percurso pelas principais vias de Florianópolis. A largada e chegada será no Trapiche da Beira-Mar Norte, com a arena montada na Praça Portugal. O trajeto contempla toda a Avenida Beira-Mar Norte, passagem sobre as pontes de acesso à ilha, Beira-Mar Continental e Via Expressa Sul.

Anderson Tonon, diretor do Grupo STC, responsável pela organização e realização da Maratona de Floripa 2023 afirma que, “A cada edição do evento, a maratona cresce em número de participantes. Neste ano, uma considerável parcela dos inscritos vai encarar os 42,195 km de percurso aferido por Florianópolis. A prova se consolida não apenas por conquistar os maratonistas de diferentes estados e também países do mundo, mas também porque oferece as melhores condições para que boa parte destes alcancem suas melhores marcas pessoais. Por isso, ainda neste ano, vamos entrar no grupo das maratonas brasileiras em maior quantidade de concluintes”.

Disputa forte na elite

Foto: Guilherme Spangler/Maratona de Floripa

A Maratona Internacional de Floripa vai distribuir um total de R$ 52,4 mil em dinheiro, além de troféus, para os cinco primeiros colocados, feminino e masculino, nos 42,2 km e nos 21,1 km. É a maior premiação da história do evento. Os campeões da maratona faturam R$ 8 mil, enquanto os vencedores da meia maratona levam R$ 3 mil. Os valores atraíram nomes expressivos do alto rendimento de corrida de longa distância do cenário brasileiro.

A edição deste ano promete disputas bem interessantes. Especialmente na prova feminina. Campeã das duas últimas edições e atual recordista nos 42 km, Janaina Santana tenta o terceiro título seguido em Floripa. No entanto, a maratonista do Distrito Federal será desafiada por outra recordista e que terá apoio da torcida local. Marjorie Barcelos, que detém a melhor marca dos 21 km, obtida em 2019, larga na elite da prova feminina, juntamente com Fabrícia Stedille, do Oeste de Santa Catarina.

A briga pelo lugar mais alto do pódio na maratona masculina também será acirrada. A prova de domingo (25) vai colocar lado a lado os dois últimos campeões. Adilson Dolberth, vencedor em 2019 e detentor do recorde da prova, terá a companhia de Fabrício “Pancada” Gomes, primeiro colocado na edição passada. Caso seja estabelecido novo recorde, tanto na maratona quanto na meia maratona, os atletas recebem premiação especial. Há um bônus de R$ 5 mil em dinheiro, oferecido pela Grupo STC, organizadora e realizadora do evento, e mais R$ 5 mil em viagem para uma prova no exterior, oferecidos pela Sub4 Turismo Esportivo, parceira da Maratona Internacional de Floripa.

O dobro na Expo

Com mais de 15 mil atletas inscritos para as corridas nas três distâncias, a estimativa é que a Casa da Maratona tenha número superior aos 30 mil visitantes nos quatro dias em que estará em operação. O espaço temático é uma das grandes atrações da edição deste ano na programação da Maratona Internacional de Floripa. Montada no interior do Pátio Milano, empreendimento de gastronomia e bem-estar, localizado no centro de Florianópolis, a Expo vai além da entrega de kits aos participantes.

Esta é a primeira edição da feira da Maratona de Floripa. O espaço vai comportar mais de 20 expositores com produtos e as últimas novidades do segmento de corridas de rua. Além disso, atletas e visitantes terão uma grande variedade de opções gastronômicas e de serviços. A abertura da Casa da Maratona foi às 14h desta quarta-feira (23).

No primeiro dia, a feira da Maratona Internacional de Floripa funciona das 14h às 22h. Na quinta (24) e sexta-feira (25), o espaço estará aberto das 10h às 22h – os atletas inscritos na corrida noturna de 5 km têm até às 17h de sexta para a retirada de kit. No dia que antecede a prova de 42,2 km da maratona, o local estará em operação das 10h às 20h.

A programação de sábado (24) é complementada com o Jantar de Massas, servido no Kattamaram Floripa (Trapiche Beira-Mar Norte) e Restaurante Família Tagliari (Rua Alm. Lamego). Os restaurantes recebem, das 18h às 21h, os maratonistas e seus familiares que adquiriram antecipadamente os ingressos para o jantar especial pré-prova.

A Maratona Internacional de Floripa 2023 tem apoio de Dobro, Pátio Milano, Casan e Granado, conta com o apoio institucional da Prefeitura de Florianópolis, do Governo de Santa Catarina, ATC-SC e Abraceo (Associação dos Organizadores de Corrida de Rua e Esportes Outdoor) e é homologada pela Federação Catarinense de Atletismo. A organização do evento tem a assinatura do Grupo STC.

Foto: Guilherme Spangler/Maratona de Floripa

Número da Maratona Internacional de Floripa 2023

Atletas participantes
57,7% homens
42,3% mulheres

Corridas
Maior participação feminina: 5 km, com 58%
Maior participação masculina: 42 km, com 73%

Estados
Representantes de todos os estados brasileiros e Distrito Federal
33% de Santa Catarina
20% de São Paulo
14% do Paraná
12% do Rio Grande do Sul
5% de Minas Gerais

Corredores do exterior
5 continentes representados
22% do Paraguai
20% da Argentina
20% dos Estados Unidos

Recordes da Maratona de Floripa
Feminino
42K – Janaina Santana, 2:49:34 (2022)
21K – Marjorie Barcelos, 1:20:34 (2019)
Masculino
42K – Adilson Dolberth, 2:22:32 (2019)
21K – Samuel do Nascimento, 1:06:21 (2022)

Todas campeãs e campeões dos 42k da Maratona de Floripa
2022 – Janaína Santana (2:49:34 – recorde) e Fabrício Pancada (2:24:44)
2019 – Janaína Santana (2:56:11) e Adilson Dolberth (2:22:32 – recorde)
2018 – Ana Claudia Rodrigues (2:50:51) e Alessandro dos Santos (2:24:34)
2017 – Ana Claudia Rodrigues (2:57:22) e Alessandro dos Santos (2:34:16)

Fonte: acontecendoaqui.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desafio CPB/CBAt de atletismo marca estreia de 114 atletas paralímpicos em 2024 no CT O Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, recebe 114

Leia mais »