Mais resultados

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Mais resultados

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Piu sofre lesão no joelho e vai operar

Atual campeão mundial e medalhista olímpico nos 400m com barreiras, Alison dos Santos sofreu uma grave lesão no joelho direito durante treinamento na última segunda-feira e vai passar por cirurgia. Por isso, ficará afastado por tempo indeterminado. As informações inicialmente foram passadas por Marcel Merguizo, do ge.globo, e confirmadas pelo Pinheiros, clube do atleta.

Alison dos Santos (Carol Coelho/CBAt)

Alison fazia exercícios de alongamento e mobilidade após a sessão de treinamento no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa (COTP), em São Paulo, quando sentiu dores no joelho direito. Exames detectaram o rompimento do menisco lateral, numa grande lesão chamada de “alça de balde”. Dessa forma, Piu passou por ressonância magnética e, agora, precisará ser submetido a cirurgia.

Ainda não é certo qual é o procedimento cirúrgico exato pelo qual Alison passará. A data da operação, portanto, ainda é incerta, mas deverá acontecer em breve, conforme apurado pelo ge. A depender do tipo da cirurgia, o tempo de recuperação pode demorar de quatro semanas até quatro meses. Cabe destacar que o Mundial de Atletismo está previsto para ocorrer no fim de agosto.

Campeão mundial e medalhista olímpico, Alison dos Santos tem 22 anos e hoje é uma das grandes estrelas do esporte mundial. Ele recebeu o troféu de Melhor Atleta do Ano no Prêmio Brasil Olímpico, organizado pelo COB, na última semana, e se preparava para embarcar para os Estados Unidos, onde passaria a morar e treinar para a Olimpíada de Paris 2024.

O campeão mundial dos 400m com barreiras tinha plano de passar a temporada nos Estados Unidos, em Clermont, na Flórida, em centro de treinamento ligado à Adidas, sua patrocinadora. A ideia era ficar lá até o fim da temporada, em outubro, com os Jogos Pan-Americanos. Além de Piu, também iriam Siqueira e o barreirista Rafael Pereira. Esse plano foi abortado, por enquanto.

A equipe médica do COB, que acompanha Piu de perto, está avaliado se é necessária a sutura (costura) do menisco, ou uma raspagem, que demandaria bem menos tempo de recuperação. Caso ocorra a sutura, serão pelo menos quatro meses fora das pistas.

Piu ficaria com prazo apertado para disputar o Mundial de Atletismo, que vai acontecer em agosto, em Budapeste, na Hungria. O brasileiro, que venceu a edição de 2022 no Oregon, nos EUA, tinha como meta repetir o feito e tentar o recorde mundial. (Demétrio Veccioli/Folhapress)

Piu manda recado aos fans

Em suas redes sociais, o Pinheiros confirmou a lesão de seu atleta. O clube se colocou à disposição de Alison, informando que ele está acompanhado da equipe médica do COB. Junto à publicação, o Pinheiros também inseriu um vídeo do corredor se pronunciando sobre o assunto.

“Nesta semana, senti o meu joelho e tive uma lesão. Mas nada é impossível de se tratar. Quero agradecer a todos que estão comigo neste momento, mandando mensagens e boas energias, fazendo o possível para me confortar um pouco diante dessa situação”, disse Alison.

Quando você recebe a notícia, é um baque, mas estamos planejando tudo certinho. Quero agradecer também ao COB, que está ‘salvando muito a vida’, e dizer que estou bem. Vida que segue. Vamos continuar no foco, nada muda. Temos nossos objetivos neste ano e no ano que vem também, então conto com vocês. Vamos passar por essa juntos!”, finalizou.

Fontes: Folha, Olimpiada todo Dia, O tempo e CBAt

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desafio CPB/CBAt de atletismo marca estreia de 114 atletas paralímpicos em 2024 no CT O Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, recebe 114

Leia mais »