Gabriel Boza disputa Brasileiro Caixa Sub-18 de olho no Mundial Sub-20

18 d novembro d 2020 às 3:57 pm

O atleta paranaense defende o Memorial/Santos/Fupes como favorito no salto em distância. Ele busca o bicampeonato da competição, que será disputada no fim de semana em Bragança Paulista, e o índice para o torneio de Nairóbi, em 2021

Gabriel Boza
(Wagner Carmo/CBAt)

O paranaense Gabriel Luiz Boza é uma das atrações do Campeonato Brasileiro Caixa Sub-18 de Atletismo, que será disputado de sexta-feira (20/11) a domingo (22/11) no Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA), em Bragança Paulista (SP). 

Nascido no dia 7 de março de 2003, em São José dos Pinhais, o atleta do Memorial/Santos/Fupes é o favorito para lutar pelo bicampeonato da competição no salto em distância. Afinal, Gabriel conquistou a medalha de ouro no Brasileiro Caixa Sub-20, disputado de 6 a 8 de novembro, também em Bragança, com a marca de 7,50 m (2.6).

“Estou me sentindo muito bem, tanto fisicamente como mentalmente. A confiança é muito grande. Vou entrar para tentar quebrar o recorde do torneio”, disse o saltador, referindo-se à marca de 7,66 m, estabelecida por Eberson Matucari, em 2016. “Me recuperei bem de uma lesão na coxa e depois de três semanas parado voltei bem às competições”, lembrou Gabriel, que venceu também o Campeonato Paulista Sub-20, no dia 31 de outubro, em Bragança, com 7,43 m (7.6).

O paranaense, que treina com Nélio Moura e Tânia Moura (a dupla que levou Maurren Maggi ao ouro olímpico de Pequim-2008), tem 7,54 m (0.3) como recorde pessoal, resultado obtido no dia de seu aniversário de 17 anos, em São Bernardo do Campo (SP), e que ocupa a quarta colocação do Ranking Mundial da categoria sub-18 em 2020. “Faltam apenas 4 cm para conseguir o índice para o Mundial Sub-20 de Nairóbi de 2021. A marca está nas minhas pernas. Só falta encaixar o salto”, comentou. “Quero ir para o Mundial para brigar por uma medalha. Sei que sou novo. Estarei no meu primeiro ano de sub-20, mas me sinto muito confiante.”

Tânia Moura concorda com o otimismo de Gabriel. “Ele está muito bem. É um menino muito dedicado e talentoso, é mesmo uma de nossas apostas. Vai tentar fazer ainda esse ano o índice para o Mundial e acho que tem boas chances”, disse a treinadora.

Gabriel começou no atletismo na escola, ainda quando morava em São José dos Pinhais. Optou desde o início pelo salto em distância, orientado pelo professor Leandro Nascimento. No início de 2019, passou a treinar com Nélio e Tânia. “Fazemos um revezamento durante a semana entre o Núcleo de Alto Rendimento, o Centro Olímpico e o Parque do Ibirapuera”, comentou o saltador, que teve a preparação atrapalhada pela pandemia.

Marcos Lopes
(Wagner Carmo/CBAt)

Outro campeão brasileiro sub-20 considerado favorito no sub-18 é o paulista Marcos Roberto de Oliveira Lopes, que compete pela APCEF/MG. Nascido a 26 de abril de 2003, em Jaboticabal, ele treina com a mãe Roberta de Oliveira há três anos na UFMG, em Belo Horizonte. Ele lidera o Ranking Sub-18 do martelo (3 kg), com 59,35 m, marca alcançada em 31 de outubro, em Ipatinga (MG). No Brasileiro Sub-20, ele venceu com 56,06 m, recorde pessoal na categoria (4 kg).

“Minha inspiração é a Anna Paula Magalhães Pereira”, disse o atleta, referindo-se a ex-recordista brasileira da prova, que compete pelo Pinheiros. “Minha mãe foi atleta e sempre me incentivou no esporte”, concluiu Marcos, que conta com o apoio de treinador Jorge Marcos Rodgerio Carlos, especialista em lançamentos.

A competição, que não terá a presença de público, será aberta às 8 horas de sexta-feira, com a disputa dos 100 m do decatlo, e terminará às 15:45 de domingo, com a final por tempo do revezamento 4X400 m misto. Todo o evento seguirá protocolos rígidos de saúde como o uso obrigatório de máscaras, a disponibilização de álcool gel e a medição da temperatura corporal na entrada do CNDA, entrega de máscaras para atletas na saída da pista após as provas, com o próprio atleta pegando a sua medalha na premiação, distanciamento entre atletas na câmara de chamada entre outros.

Assim como ocorreu no Brasileiro Caixa Sub-20, o Congresso Técnico será substituído por uma Sessão Informativa Virtual, marcada para quinta-feira (19), a partir das 15 horas.

A competição terá transmissão ao vivo pelo youtube da CBAt pelo link:

https://www.youtube.com/channel/UCzEJ2yawdNF53PTzLO_RYCg

Mais informações podem ser obtidas no link:

http://cbat.org.br/novo/competicoes/brasileiro_sub18/2020/#

A Caixa é a Patrocinadora Oficial do Atletismo Brasileiro.

Share